Novos poemas

Ingratidão

O tempo voa
a esmo
não perdoa
os que com ele vão
mesmo
numa boa